• SLICE OF LIFE

    Leia os conteúdos inéditos da Irmandade. Venha conferir todos eles!

  • ANGEL'S SHARE

    Segundo livro da série 'Os Reis do Bourbon'. Acompanhe as novidades por aqui.

  • BLOOD VOW

    Segundo livro da nova série no universo da Irmandade 'Legado da Irmandade da Adaga Negra'.

  • THE CHOSEN

    Lançamento, trecho exclusivo e capa oficial divulgados

J. R. Ward - Virtual Signing | Datas e horários.


Todo fã da IAN que se preze, sabe que todo ano tem o Virtual Signing no site oficial da autora da série, beleza? Para quem não sabia, vamos explicar, porque já começou a corrida!

O Virtual Signing (VS) é uma venda de cópias da versão original dos livros, em capa dura (hardcover), autografadas e dedicadas pela própria autora para você! A Ward deixa disponível por um período de dias (que às vezes simplesmente torna dias em horas) para a venda de alguns livros (lançamento ou não) da série da Irmandade da Adaga Negra, Fallen Angels ou The Bourbon Kings no site Wardenvs.com. Recomendamos que você assine o feed do site, pois assim você receberá alertas e notícias sobre os VS's seguintes em primeira mão. Clique em "Subscribe to our newsletter" no topo da página.

Pois bem, sabendo disso você vai querer perder? Acho que não!

ACESSE WARDENVS.COM
Segue abaixo as datas atualizadas até [21/10/2016]

BLOOD VOW (SÉRIE LEGADOS DA IRMANDADE DA ADAGA NEGRA)
LANÇAMENTO DIA: 06/12/2016 NOS EUA
VIRTUAL SIGNING:  21 de outubro de 2016, 9h00a.m EST (às 12h da manhã, horário de verão de Brasília)
Nunca comprou e não quer fazer nada errado no seu primeiro VS? Veja o post do nosso parceiro Peixinho Prateado aqui, que está completinho e explicadinho tim tim por tim tim ;)

#PROMOÇÃOABESTA - Participe!


Mais uma promo linda do BDL que você não vai querer perder, E NÃO VAI SABER O QUE QUER! Olha só!

Serão 2 prêmios:

1º sorteado - Um exemplar de 'A Besta'

2º sorteado - Uma camiseta exclusiva da série, onde o sorteado deverá escolher UM entre os três modelos da imagem (Irmandade da Adaga Negra / I love my Brother / My Hellren loves me), poderá escolher a cor da camiseta (preta / branca) e a cor do texto da camiseta (preto / branco).

As regras são simples e o formulário vocês já conhecem:

→ Siga-nos no Twitter (opção obrigatória) - (ATENÇÃO! Mudamos uma regrinha no sorteio: - O Twitter não é mais obrigatório, mas vale +5 pontos bônus no Rafflecopter)
→ Siga-nos no Facebook (opção obrigatória)
→ Indique pelo menos um (a) amigo (a) no post da imagem fixada no Facebook do site e compartilhe a imagem (opção obrigatória, é um plus de +5 no Rafflecopter)
→ Tweet uma vez no dia a frase através do formulário (importante usar o formulário, pois de outra forma você não consegue os pontos) e cole no formulário o URL do tweet (também um plus de +5 no Rafflecopter)


IMPORTANTE! Usem sempre o formulário para fazer todo esse processo, é mais rápido e garantido. BOA SORTE!
a Rafflecopter giveaway


Regras:
• Não vamos considerar perfis (no Facebook ou Twitter) que foram criados apenas para promoções, ou personagens, ou fakes;
• Somente para território nacional;
• Enquanto não houver um perfil válido, vamos sortear novamente, para que possamos cumprir a nossa parte com quem seguiu as regras corretamente;
• Os sorteados (dois sorteados) tem 72hrs para entrar em contato conosco (com nome e endereço completo com CEP) e , caso seja ganhador da camiseta, informar tamanho, cor da camiseta, cor da fonte e texto para que seja confeccionada, no corpo do email (envie para blackdaggerlovers@gmail.com), caso não seja feito, um novo sorteio será realizado;
• A camiseta tem até 30 dias após o contato do sorteado para ser enviada, pois se trata de um item exclusivo do site, e será confeccionada de acordo com as suas preferências;
• NÃO VAMOS TROCAR O TEXTO OU CORES DA CAMISETA. É uma modelo exclusivo do site e o fornecedor já tem o pré-pedido dos modelos, com isso não há possibilidades de quaisquer trocas;
• A participação no sorteio termina dia 14 de outubro de 2016 às 23:59;
• O sorteio será feito no dia 15 de outubro de 2016 e anunciado no mesmo dia


BOA SORTE!

Divulgada a capa oficial de 'The Chosen" + trecho exclusivo!


E foi dada a largada para as fãs do Xcor e da Layla! Foi divulgada pela EW a capa oficial de 'The Chosen", 15º livro da Irmandade da Adaga Negra, que vai contar a história e, quem sabe, o final feliz do casal mais improvável da IAN. Já vou avisando que tem SPOILER NO PRIMEIRO PARÁGRAFO DO TRECHO EXCLUVISO! Continuar a ler depois da imagem da capa é por sua conta em risco.

A EW publicou o seguinte texto:

J. R. Ward continua sua série Irmandade da Adaga Negra com 'The Chosen' ('A Escolhida', em tradução livre não oficial), em 4 de abril de 2017 (nos EUA). Mas antes disso, não se esqueça de verificar sua série spin-off "Legado da Irmandade da Adaga Negra", o livro 'Blood Vow' ('Voto de Sangue' em tradução livre não oficial), lançamento em Dezembro 2016 (nos EUA).

Para ajudá-lo a se preparar para o próximo capítulo da série, a EW tem o prazer de revelar um resumo de 'The Chosen', sua capa, e um 'sneak peek' do próprio livro. Confira tudo abaixo:

"Um amor proibido escaldante ameaça romper uma fenda através da Irmandade da Adaga Negra, no mais recente romance de J. R. Ward na série de best-seller do New York Times."


Ele nasceu em uma noite de inverno, durante o vendaval de uma nevasca histórica. No fundo de uma caverna úmida e suja, assim como as rajadas geladas ameaçado útero de barro, a mulher que deu à luz tinha gritado e sangrado para trazer o filho que o Irmão da Adaga Negra Irmão Hharm lhe tinha exigido.
Xcor foi rompido. O primeiro de muitos de seus erros, e possivelmente o único que não tinha sido culpa dele. E ele tinha sido querido... até que seu rosto emergiu.
Seus defeitos físicos ofuscaram até mesmo o triunfo do seu gênero, e desta forma, seu criador tinha nivelado os cuidados de seu ego incipiente como uma maldição sobre a sua mahmen, uma punição por sua incapacidade de gestar uma prole adequada.
E esse foi o início da sua história... que o tinha levado até ali.
Em outra caverna. Em uma outra noite de Dezembro. E tal como no seu nascimento, o vento uivava para cumprimentá-lo, apesar que desta vez, foi um recobro de consciência em oposição uma expulsão para a vida independente que o acordou.
Tal como uma cria recém-nascida, ele tinha pouco controle sobre o seu corpo. Incapacitado estava ele, e isso teria sido verdade mesmo sem as correntes e as barras de metal que estavam presos sobre o seu peito, seus quadris, suas coxas. Máquinas, em discrepância com o ambiente rústico, apitavam atrás da sua cabeça, monitorizando a sua respiração, frequência cardíaca e pressão arterial.
A Irmandade da Adaga Negra estava o mantendo vivo... para o poderem matar.
E à medida que o seu cérebro começava a funcionar de baixo do seu crânio, enquanto os pensamentos finalmente se aglomeraram e formaram pensamentos racionais, ele recordou-se da série de acontecimentos que o colocaram a ele, o líder do Bando dos Bastardos, na custódia do que tinha sido seu inimigo: um ataque que lhe foi feito por trás, uma queda que provocou uma concussão, um AVC ou algo semelhante que o tornou propenso e em suporte de vida à mercê, não existente, dos Irmãos.
Xcor recobrou a consciência uma ou duas vezes durante o seu cativeiro, mas a conexão na sua arena mental tinha sido insustentável por grande períodos de tempo.
Isto era diferente. Ele conseguia sentir a mudança dentro da própria pele. O quer que fosse que tinha sido danificado tinha finalmente sido curado. Ele tinha voltado da paisagem enevoada que não era nem-vida-nem-morte.
Mesmo com os seus olhos fechados, ele não podia fingir estar inconsciente para sempre.
— ... o que me preocupa de verdade é o Tohr.
O final de uma frase proferida por um macho entrou no seu ouvido como uma série de vibrações, e a tradução delas estava com atraso. Mas o nome...
— Nah, ele é forte. — Houve um som de um arranhar suave seguido do cheiro rico do tabaco. — E se ele falhar, eu estarei lá.
A voz profunda que tinha falado primeiro ficou seca. — Para manter ele na linha—ou para o ajudar a assassinar o pedaço de carne?
O Irmão Vishous—Sim, quem era—riu como um serial-killer — Que visão da porra você tem de mim.
Era uma maravilho pensar que eles não se entendiam melhor, pensou Xcor.
Mas, mais uma vez, a Irmandade e os Bastardos tinham estado em lados diferentes do reinado de Wrath. Na verdade, a bala que o Xcor tinha colocado na garganta do líder por direito da raça vampírica tinha sido um evento clarificador quando se tratava de afiliações.
Desde aquela altura, contudo, tinha existido uma força contrária que intercedeu no seu destino.
A imagem que lhe veio à mente foi de uma fêmea alta e esbelta com as vestes brancas de uma das Escolhidas da Virgem Escriba. O seu cabelo loiro ondulava a baixo dos seus ombros e arrastavam-se na brisa gentil, e os seus olhos eram da cor de jade, e o seu sorriso era uma bênção que ele nada tinha feito para merecer.
A Escolhida Layla tinha mudado tudo para ele, remodelando a Irmandade de alvo para tolerável, de inimigo para um inclino co-existencial no mundo.
Ela tinha tido mais efeito na sua alma negra que todos que haviam aparecido antes dela, evoluindo-o uma distância maior num espaço de tempo mais curto do que ele alguma vez teria pensado possível.
— Eu quase quero que Tohr apareça aqui e o foda em pedaços. Ele ganhou esse direito.
O Irmão Vishous praguejou. — Todos nós ganhamos. Traidor do caralho. A parte mais difícil disto vai ser garantir que haja alguma coisa que sobre no final para Tohr o ter.
E aqui estava o problema, pensou Xcor por trás das suas pálpebras fechadas. A sua evolução era desconhecida aos seus antigos inimigos... e a única maneira de sair deste cenário mortífero seria revelar o amor que ele tinha encontrado com uma fêmea que não era dele, nunca tinha sido, e nunca irá a ser.
Mas ele não iria sacrificar a Escolhida Layla por ninguém.
Nem mesmo para salvar a si próprio...



Fonte: EW.com

E então? Gostaram? 'The Chosen', ainda não tem data para chegar no Brasil, mas já deu para saber o tom desse livro, e para querer ele logo nas mãos. Hharm pai de Xcor? Tohr irmão de Xcor? O que acharam? A confirmação finalmente veio! Quero saber quem acertou essa ;)

PROMOÇÃO Beijo de Sangue


Oba! Faz tempo que não rola promoção no BDL, não é? E e dessa vez é em dobro! Vamos sortear 2 exemplares de 'Beijo de sangue', o primeiro livro do Legados da Irmandade da Adaga Negra aos leitores do BDL.  Para participar é fácil (leiam as regras em seguida):

→ Siga-nos no Twitter (opção obrigatória)
→ Siga-nos no Facebook (opção obrigatória)
→ Indique pelo menos um (a) amigo (a) no post da imagem do Facebook (não obrigatória, mas é um plus de +5 no Rafflecopter)
→ Siga-nos no Instagram e indique pelo menos um (a) amigo(a) no post da imagem da promoção (não obrigatória, mas é um plus de +5 no Rafflecopter)
→ Tweet uma vez no dia a frase através do formulário (importante usar o formulário, pois de outra forma você não consegue os pontos) e colar no formulário o URL do tweet (também uma plus de +5)

IMPORTANTE! Usem sempre o formulário para fazer todo esse processo, é mais rápido e garantido. BOA SORTE! 


a Rafflecopter giveaway


Regras:
• Não vamos considerar perfis (no Facebook, Twitter ou Instagram) que foram criados apenas para promoções, ou personagens, ou fakes;
• Somente para território nacional;
• Enquanto não houver um perfil válido, vamos sortear novamente, para que possamos cumprir a nossa parte com quem seguiu as regras corretamente;
• Os sorteados (dois sorteados) tem 72hrs para entrar em contato conosco (com nome e endereço completo com CEP) no email blackdaggerlovers@gmail.com, caso não seja feito, um novo sorteio será realizado;
• A participação no sorteio termina dia 10 de maio de 2016;
• O sorteio será feito no dia 14 de maio de 2016 e anunciado no mesmo dia.

Aberta a temporada de teasers oficiais de the Beast (com muito spoiler!)


Corre que tem mais teaser saindo e dessa vez tem muitos! Nem preciso lembrar que onde tem teaser tem SPOILER, por isso as traduções abaixo devem ser lidas com cuidado de alguns pequenos mini-infartos, okay? Vamos lá!

→ 1º de abril (não é teaser de mentira!)

Versão traduzida livremente (original aqui):
— Eu também te amo.— ele colocou o cabelo atrás da orelha e massageou os ombros dela.— E, Mary... Tudo vai ficar bem. Eu prometo.
— Eles não podem deixar-nos tê-la. Mesmo que ela nos queira.
— Por quê?
— Você sabe porquê. Nós não somos exatamente "normais" Rhage.
— Quem é?
- The Beast, página 351

→ 2 de abril 

Versão traduzida livremente (original aqui):

Enquanto o V mostrava os caninos, Rhage abanou a cabeça. — Pode querer repensar essa atitude. O meu irmão parece que te quer transformar em confeti.
— Então? — pressionou o Throe — Mandou ele aqui para me seduzir? Terias mais sorte com uma fêmea... não que iria descobrir alguma coisa com a tentativa. Eu me aposentei de todo o conflito.
— Arriscou a sua vida, — disse V — para mandar esta mensagem, não é?
— Pensei que iria ser mais significativo se fosse em pessoa.
— Você superestima no seu apelo. Ou o significado da sua orientação sexual.
- The Beast, página 318 e 319.

→ 5 de abril 

Versão traduzida livremente (original aqui):

Como é que chegamos a isto? Qhuinn questionou-se silenciosamente.
Mas tão depressa como o pensamento o atingiu ele abanou a cabeça. Mas que porra é que ele presumia que ia acontecer com as duas crias ali?
— Ela está bem? — ele ladrou. — Eles estão vivos?
— Aqui vem um, - disse Blay bruscamente...

- The Beast, página 417.

Qhuinn vai ser papai finalmente!!! \o/ Layla pariu minha gente!!!

Não sei vocês, mas esses teasers só me deixaram mais curiosa para saber o que o Xcor, Throe e o Assail (incluindo os gêmeos Ehric e Evale) estão aprontando em The Beast... Vamos aguardar.

'Beijo da sangue': data de lançamento e pré-venda


Capas brasileira e americana da nova série

'Beijo de sangue' — como foi traduzido 'Blood Kiss' da série 'The Black Dagger Legacy', o primeiro livro do spin-off da Irmandade da Adaga Negra — da série 'Legado da Irmandade da Adaga Negra, ganhou data de lançamento... Pelo menos em e-book. Já em pré-venda na Amazon, o livro conta a história por trás do plano principal da trama dos guerreiros da IAN. Suas vidas pessoais, o dia a dia, e vários outros assuntos que todo fã da IAN quer saber, estão nessa extensão que foi dada de presente para nós pela autora J. R Ward.

Nos EUA, o livro foi lançado no ano passado, mas aqui no Brasil ele ganhou o lançamento em e-book para 18 de abril. E já tem compra disponível na Amazon, então corre lá. 

Pré-venda Amazon: http://bit.ly/1Uo9bXD

Sinopse de 'Beijo de Sangue'Da autora best-seller do The New York Times! Os guerreiros da Irmandade da Adaga Negra marcam presença em uma nova série, repleta de aventura e romances muito quentes... Paradise, filha do Primeiro Conselheiro do Rei, está pronta para se libertar da vida restritiva imposta às fêmeas da aristocracia. Sua estratégia? Entrar no programa do Centro de Treinamento da Irmandade da Adaga Negra para aprender a lutar por si mesma, a pensar por si mesma... ser ela mesma. É um bom plano, até tudo dar errado. As aulas são inimaginavelmente difíceis, seus colegas de sala são mais inimigos que aliados e está bem claro que o Irmão encarregado, Butch O’Neal, também conhecido como Dhestroyer, está atravessando sérios problemas em sua vida particular. E tudo isso antes mesmo de ela se apaixonar por um colega de turma. Craeg, um cidadão comum, que não se parece em nada com o que o seu pai desejaria para ela, mas que é tudo o que ela poderia pedir em um macho. Quando um ato de violência ameaça pôr fim ao programa, e a atração erótica entre eles fica cada vez mais irresistível, Paradise é testada de maneiras que ela sequer poderia ter imaginado, o que a faz ponderar se é forte o bastante para reivindicar seu próprio poder… dentro do campo de batalha e fora dele.

Só não ficou claro se esse livro será lançado em versão física. Nos EUA, ele foi lançado em versão simples, com capa mole, e a J. R. disse que seriam lançados assim mesmo, como a IAN das antigas. Porém, até o momento a Universo dos Livros, ainda não confirmou a venda física. Vamos aguardar.

ATUALIZAÇÃO (05/04):

A UdL como é mãe da raça de fãs loucas da IAN postou ontem (04/04/16) que a vai ter versão física sim! E se não gostarem ela vai dar mais 1000! mentira não foi isso ela falou  O fato é que o lançamento vai atrasar um pouco 09 de maio. Nos links abaixo vocês já podem encomendar na pré-venda no site da Amazon BR.

► E-book (lançamento 18/04): http://bit.ly/1oA66XV
► Físico (lançamento 09/05): http://bit.ly/1oA68PE




'Beijo de Sangue' já está em pré-venda!! Vem gente!! ▶ http://bit.ly/BeijoDeSangue #JRWARD #BloodKiss #BeijoDeSangue
Publicado por Universo dos Livros em Segunda, 4 de abril de 2016

[SPOILER ALERT!] Mais alguns teasers de The Beast!



Essa mulher quer deixar a gente doido, né? 
Ela me postou no FB oficial dela, duas páginas completas de The Beast! O que é muita coisa para quem não tem nada concordam? Eu não tive tempo hábil para traduzir, por isso mais uma vez as lindas do IAN Portugal deram aquela força. Leiam o trecho logo abaixo:

[OBS: a Layla parece estar indo para algum lugar (centro de treinamentos talvez?) mas não fica claro, pois não conseguimos ler direito com esse mhis... Sorry "/ O trecho abaixo foi o máximo conseguido.]

Tradução livre do IAN Portugal:

Empurrando a porta para sair, a…
Imediatamente ela deu um passo atrás.
De tal modo que o seu rabo bateu no painel que estava a fechar.
Do outro lado, um par de machos estavam de pé e em sentido. Expressões de tenção idênticas a marcas as suas faces.
E por idênticas, quero dizer exactamente iguais.
Eles eram gémeos.
Quando eles repararam nela, os gémeos recuaram como se tivesse visto um fantasma.
- Olha para o que fazes. – disse num grasnido.
A Layla virou a cabeça na direção do aviso. – Zsadist?
O Irmão com a cicatriz na cara caminhou até ela colocando o corpo, com todas aquelas armas, entre ela e os dois estranhos apesar de nenhum deles ter feito qualquer movimento hostil em relação a ela. E sem surpresas foi um bloquei muito eficaz. O tronco e os ombros do Zsadist eram tão largos que ela já não conseguia ver o par… o que era, claramente, o plano dele.
- Volta para lá com ele. – Ladrou Zsadist. – Antes que eu te coloque nesse quarto.
Não havia qualquer argumento, e abruptamente, os cheiros desconhecidos desapareceram como se eles tivessem, de facto, desaparecido do corredor.
- Eles não me fizeram nada. – disse ela – Na realidade, acho que se eu exclamasse: “Boo!” que eles poderiam ter fugido.
O Z olhou sobre o seu ombro. – Eu acho que devias voltar para o teu quarto.
- … fui autorizada a esticar as pernas duas vezes por noite?
…. Gentilmente, mas firme, ele agarrou no cotovelo da escolhida e escoltou-a … porta e até à cama. - Temos algumas visitas inesperadas, e eu … para pessoas como tu.
O post original está aqui embaixo, e se vocês quiserem se aventurar para tentar ler com talvez um zoom poderoso... Fiquem a vontade ;)



Mais teasers de "The Beast"


Eu sei... estou devendo um moooonte de trechos liberados de 'The Beast'. Parma, parma, parma minha gente. Vamos dar início aos trabalhos (mas antes vocês podem ler o primeiro trecho liberado de The Beast bem AQUI)! Se preparem porque tem muita coisa boa. Sem mais delongas...

→ 5 de fevereiro - Versão original aqui

Tradução livre:
A Mary tropeçou em alguma coisa... Oh, Deus, era um lesser que não tinha um braço... E continuou a andar, soprando outro assobio. E um terceiro...
A besta parou, os seus flancos arfando para dentro e para fora, as escamas roxas brilhando na escuridão como se estivessem iluminadas por dentro por uma fonte elétrica.
O quarto assobio fez com que virasse a cabeça.
Abrandando a corrida, a Mary levou as mãos à boca. — Venha aqui! Vem cá, garoto!
Como se a besta fosse o maior cão do mundo.
O dragão soltou um "chuff" e expirou pelo nariz, o som encontrava-se entre uma almofada de pum e um motor de um jato levantando voo.
— Vem cá, você! — disse ela — Deixa isso em paz. Isso não é seu...
— The Beast (Pág. ÉUmSegredo)

→ 9 de fevereiro

Neste dia foi postado um link pela autora para um trecho do livro, porém ai clicar você era direcionado uma página do GoodReads com uma breve descrição e lá sim, um link para um trecho maior. Leia em seguida ambos os trechos:

Trecho 1 - Versão original aqui
- The Beast (14º Livro da Irmandade da Adaga Negra)
Por J.R. Ward


Nada é como costumava ser para a Irmandade da Adaga Negra. Alianças mudaram e linhas foram traçadas. Para Rhage, o Irmão com o apetite mais voraz, a vida era supostamente perfeita com a Mary, a sua amada shellan, a seu lado. Mas ele não conseguia perceber o pânico e as inseguranças que o atormentavam. Quando ele se vê obrigado a reavaliar as suas prioridades, a resposta, quando ele a encontra, abala o seu mundo... e o de Mary.

Data de publicação: 5 de Abril (EUA)

Trecho para abrir o apetite: "Fale-me sobre fazer um sólido — e um oito ou oitenta. O traficante de drogas revelou-se um aliado para a Irmandade, cumprindo a sua promessa de cortar relações de negócios com a Sociedade Lesser entregando a cabeça do Forelesser numa caixa aos pés de Wrath. Ele também divulgou a localização que esses sem-noção tem usado como quartel general. Eeeeee foi assim que todos acabaram lá."

Trecho 2 - Versão original aqui [trecho traduzido livremente pelo IAN Portugal]
- Trecho retirado de The Beast (Irmandade da Adaga Negra nº14) - Capítulo 1
Por J.R. Ward




Escola de Brownswick para Moças, Caldwell, NY



Formigas debaixo da pele.



À medida que o Rhage transferia o seu peso de uma bota de combate para a outra, ele sentiu como se a sua corrente sanguínea chegasse a um estado de ebulição suave e as bolhas estivessem a fazer cócegas de baixo de cada fodido centímetro quadrado da sua carne. E isso nem era metade da coisa. Fibras musculares aleatórias falhavam por todo o seu corpo, os espasmos faziam com que os seus dedos tivessem contracções musculares, que os joelhos sacudissem, e os ombros se contraíssem como se ele estivesse prestes a ser usado como uma raquete de ténis em alguma coisa.



Pela milionésima vez desde que ele se materializara na sua posição, ele passou os olhos pelo o prado crescido e irregular à frente dele. Na altura em que a Escola de Brownswick para Raparigas ainda estava operacional o prado em questão era sem dúvida um relvado laminado que tinha sido bem cortado durante a primavera e o verão, desfolhado no outono e coberto de neve tão belamente como um livro de crianças durante o inverno. Agora, tinha um toque de campo de futebol vindo do inferno, cravejado e emaranhado com arbustos retorcidos que não poderiam fazer mais do que danos estéticos à região da virilha de um gajo, rebentos que eram feios, enteados deformados dos mais maduros dos carvalhos e bordos, e a erva grande e castanha de finais de Outubro que podiam fazer-te tropeçar como uma pequena cabra se se estivesse a tentar correr.



Da mesma maneira, os edifícios de tijolo que tinham providenciado e abrigado os espaços institucionais para os filhos privilegiados da elite, tinham envelhecido mal sem manutenção regular: janelas partidas, portas a apodrecer, portadas a fechar e a abrir com o vento frio como se os fantasmas não conseguissem decidir se queriam ser vistos ou apenas ouvidos.



Isto era o campus da Sociedade dos Poetas Mortos. Assumindo que toda a gente tinha arrumado as tralhas depois do filme ter sido filmado em 1988 e que ninguém tinha tocado na merda da coisa desde então.



Mas as instalações não estavam vazias.



À medida que o Rhage inspirava profundamente, os seus reflexos de vómito fizeram algumas flexões na parte de trás da garganta. Muitos minguantes estavam escondidos nos dormitórios e salas de aulas abandonados que era impossível isolar um cheiro individual isolado do todo fedorento que era capaz de entorpecer as fossas nasais. Cristo, era como meter a cara num balde com restos de peixe e inalar como se o mundo estivesse a ficar sem oxigénio.
Assumindo que alguém tinha adicionado pó de talco a todos as cabeças e entranhas de peixe com mais de um dia.



Para aquele toque final, que sabes qual.



À medida que a sua pele ia começar outro treme-treme, ele disse à sua maldição para aguentar os cavalos, e sim porra, ia ser deixado solto esta noite. Ele nem sequer ia tentar conter a desgraçada da coisa… não que tentar travá-la tivesse sido alguma vez bem-sucedido de qualquer maneira… e considerando que dar rédea solta à besta nem sempre é uma coisa boa, esta noite ia ser um benefício da ofensiva. A Irmandade da Adaga Negra ia enfrentar quantos minguantes? Cinquenta? Cento e cinquenta?



Era muito para aguentar, mesmo para eles… por isso, sim, o seu pequeno… presente… da Virgem Escrivã tinha vindo mesmo a calhar.



Por falar no diabo. Há mais de um século atrás, a Mãe da Raça ofereceu-lhe o seu sistema pessoal de repreensão, um programa de modificação de comportamento que é tão difícil, tão desagradável e tão opressivo que conseguiu, de facto, trazê-lo de volta e deixar de ser um completo cabrão. Cortesia do dragão, a não ser que ele gerisse os seus níveis de energia devidamente e moderasse as suas emoções, instalava-se o caos.



Literalmente.



No decorrer do ultimo século, ele tornou-se bastante bem-sucedido a garantir que a coisa não comesse os que lhe eram mais próximos e queridos, ou que os tornasse notícia dos jornais da noite com uma manchete do tipo: “O Parque Jurássico está Vivo”. Mas com aquilo que ele e os seus irmãos vão enfrentar neste momento… e o quão isolado o campus se encontra? Se tivessem sorte, o grande bastardo de escamas roxas com os dentes tipo serra eléctrica e uma fome desenfreada iria ter muito que comer. Apesar de, mais uma vez, uma dieta baseada apenas em minguantes era aquilo com que eles estavam à procura.



Nenhum irmão como refeição rápida, por favor. E nenhum humano como entrada ou sobremesa, muito obrigado.






Este último era mais devido à discrição do que à afeição. Já se sabe que aquelas ratazanas sem cauda nunca iam a lado nenhum sem duas coisas: meia dúzia dos seus evolucionariamente inferiores, noturnamente co-dependentes e cabrões de amigalhaços, e os desgraçados dos telemóveis. Meu, o YouTube é uma pedra no calcanhar quando se quer manter a guerra com os mortos-vivos debaixo do tapete. Durante cerca de duzentos anos, vampiros a lutar contra a Sociedade dos Minguantes do Ómega tem sido apenas assunto dos combatentes envolvidos, e o facto de que os humanos não conseguirem manter o nariz das suas competências essenciais de arruinar o ambiente e dizer uns aos outros o que pensar e dizer era apenas uma das razões pelas quais ele os odeia.






Caralho de internet.



Mudando de assunto para não perder as estribeiras demasiado cedo, o Rhage focou a visão no macho abrigado a certa de 6,10 metros dele. Assail, filho do Caralho-Mais-Velho, estava vestido de negro de comitiva fúnebre, o seu cabelo preto como o Drácula não precisava de camuflagem, a sua cara bela-como-o-pecado franzida com tanta força com vontade de assassinato que se tem que respeitar o gajo. Fala-me à cerca de fazeres um sólido oito a oitenta. O traficante de drogas revelou-se um aliado para a Irmandade, cumprindo a sua promessa de cortar relações de negócios com a Sociedade de Minguantes entregando a cabeça do Minguante Mor (Forelesser) numa caixa aos pés de Wrath.



Ele também divulgou a localização que a escumalha tem usado como QG (quartel - general).



Eeeeee foi assim que toda a gente acabou por cá, enterrados até aos tomates no mato, à espera que a contagem decrescente nos relógios sincronizados pelo V chegue aos 0:00.



Mas este ataque não era uma merda de uma aproximação de chumbo pesado ao inimigo. Depois de um número de noites… e dias, graças ao Lassiter, a.k.a. 00-buraco-no-c, que fez trabalho de reconhecimento durante as horas de luz… o ataque estava devidamente coordenado, programado e pronto para a execução. Todos os guerreiros estavam presentes, o Z e o Phury, o Butch e o V, o Tohr e o John Matthew, o Qhuinn e o Blay, tal como o Assail e os seus dois primos, Canino I e II.



Porque quem é que se importa com os nomes deles desde que apareçam armados até aos dentes e cheios de munição.



O pessoal médico da Irmandade estava também em ponto morto na área, com o Manny na sua unidade cirúrgica móvel a cerda de 1.6 km de distância e com a Jane e a Ehlena numa carrinha num raio de 3.2 km.



O Rhage verificou o seu relógio. Seis minutos e muda.



Quando o seu olho esquerdo começou a ter espasmos ele praguejou. Como raio é que ele ia aguentar a posição durante tanto tempo?



Mostrando as presas, ele exalou pelo nariz, soprando duas correntes gémeas de fôlego condensado que mais pareceram com o aviso da carga de um touro.



Cristo, ele não se conseguia lembrar da última vez que esteve assim tão eléctrico. E ele nem queria pensar à cerca do motivo. Na realidade, ele tem estado a evitar a coisa toda do porquê durante quanto tempo?



Desde que ele e a Mary tinham embatido naquela estranha situação complicada e ele começou a sentir-se…



- Rhage.



O seu nome foi sussurrado tão baixo que ele se virou, uma vez que ele não tinha a certeza se o seu subconsciente decidiu começar a falar com ele, ou não. Não. Era o Vishous… e devido à expressão do irmão o Rhage preferia que o cérebro dele estivesse a pregar uma partida. Aqueles olhos diamantinos estavam a projectar uma má luz.. E aquelas tatuagens à volta da têmpora não estavam a ajudar.



A barbicha era neutra… a não ser que a avaliasses em relação à moda. Nesse caso o cabrão era um travesti de proporções Rogaine.



O Rhage abanou a cabeça. – Não devias estar a colocar-te na tua posição…



- Eu vi esta noite.



Oh, merda, não, pensou Rhage. Não, não me vais fazer isto agora, meu irmão.



Virando-se noutra direcção ele murmurou, - Poupa-me o Vicent Price, está bem? Ou está a tentar ser o gajo que faz a narração dos trailers dos filmes?



- Rhage.



- … Porque tens futuro nisso. “Num mundo… onde as pessoas precisam… de se calar e fazer o trabalho delas…”



- Rhage.



Quando ele não se voltou o V deu-lhe a volta e fulminou-o com o olhar, aqueles fodidos olhos pálidos, um par gémeo de explosões nucleares que diziam nuvem de cogumelos de trás para a frente. – Eu quero que vás para casa. Agora.



O Rhage abriu a boca. Fechou-a. Voltou a abri-la… e teve que se lembrar de manter a voz baixa. – Olha, não é uma boa altura para a tua merda um-oitocentos da sede psíquica…



O irmão agarrou-lhe no braço e apertou. – Vai para casa. Não te estou a foder.



Terror gelado correu pelas veias do Rhage, diminuindo a sua temperatura corporal… e mesmo assim ele negou com a cabeça. – Vai-te foder, Vishous. A sério.



Não, obrigado, pensou Rhage. Desampara-me a loja.



Ele não tinha interesse em testar mais da magia da Virgem Escrivã. Ele não estava…



- Vais morrer hoje à noite, caralho.

Os dois trechos foram retirados do GoodReads, e estão no livro The Beast, que será lançado no dia 5 de abril de 2016 nos EUA. Gostaram? Foi só uma provinha, mas deu pra sentir o clima do livro né? ;)

[SPOILER ALERT!] Ward posta página de The Beast!




PARA INÍCIO DE CONVERSA: ESTE POST CONTÉM SPOILER!
Eu não costumo postar spoilers, acho meio broxante quando eu leio um, mesmo quando eu quero saber. Vocês eu já não sei, e por não saber, devo avisar antes de qualquer post revelador demais.

Nossa linda Warden, postou no dia 1º de janeiro uma imagem de uma página que ela estava revisando. A página em questão era de 'The Beast'. O livrinho novo do nosso dragão favorito. As linhas abaixo são da IAN Portugal (tradução livre) do que elas conseguiram ver. Por ser uma imagem sem muito foco, existia um blur ou o mhis do V impedindo que se decifrasse toda a página. MAIS UMA VEZ: pare de ler se você não quer saber do conteúdo do livro novo (que será lançado em 5 de abril deste ano, nos EUA), não continue! Para os demais, boa leitura.

Tradução do site IAN Portugal:

Aparentemente o Irmão não estava ciente de ter….. Mas o Butch e o resto do pessoal ….. e o bófia aproximou-se do Tohr ….
- A matança pode … -disse Butch - … podemos levá-lo connosco. Podemos falar com o bastardo para obter informação, depois disso ele é todo teu, Tohr, mais ninguém, para além de ti, vai dar o golpe final.
Phury acenou em concordância – O V tem razão. Se o matares agora nós perdemos informação. Sê lógico à cerca disto, Tohr.
Vishous olhou à volta. Eles os quatro tinham voltado ao … com a ideia de esfaquear o máximo que conseguissem de volta ao Ômega e fazer o máximo de limpeza que conseguissem, mas esta pequena descoberta mudou os planos originais.
-Butch, leva-o de volta no Hummer. Agora. – V abanou a cabeça a Tohr – E não, não vais com ele como reforço.
- Estão a perceber tudo errado. – disse Tohr severamente.
- Estamos? Tens noção que tens uma adaga na mão? Não? – Quando o Irmão olhou para baixo com alguma surpresa, o V abanou a cabeça. – Não penses que sou aquele que está de cabeça quente. O chui trata disto.
- Vou chamar o Qhuinn e o Blay. – disse Butch enquanto tirava o telemóvel para fora – Quero-os comigo.
- E é por isto que te amo. – Murmurou V enquanto mantinha os olhos no Tohr.
O Irmão ainda não tinha guardado a adaga. E não havia problema com isso. Assim que o Xcor estiver de saída, o V iria garantir que o Tohr colocasse aquele impulso assassino em bom uso.
Algum tempo depois o Blay e o Qhuinn materializaram-se e ambos soltaram palavrões quando viram a cara feia e marcada por cicatrizes que estava virada para cima, sem ver, no corpo desmaiado.
O Butch algemou o Xcor rapidamente e, de seguida, ele e o Qhuinn transportaram o Bastardo como um saco de batatas em direção do monstro completamente preto e à prova de balas que tinha…

A imagem oficial está postada aqui, caso tenham curiosidade de tentar ler algo mais ;)

Novo trecho de 'Blood Kiss' para a nossa alegria!

E hoje saiu mais um trechinho, ou como diriam os portugueses, um cheirinho de 'Blood Kiss'! E o nosso "casal bromance" favorito está na área. Confira:



Tradução:
V bateu palmas.
— Me sinto um fudido de merda sobre isso. Se quer um rytho, deixe-me saber.
— Nah. — Butch abanou a cabeça. — Mas provavelmente terá que ir buscar a minha roupa limpa durante um mês.
— O Fritz já não faz isso?
— É uma piada humana.
— Ah, por isso é que não teve graça. — Blood Kiss (The Black Dagger Legacy), pág. 277

Manda mais que tá pouco WARDEN! \o/

Universo dos Livros confirma publicação de 'The Bourbon Kings' no Brasil!


Sim, os reis do Bourbon estão chegando no Brasil em breve! A confirmação foi feita por um dos membros da UdL, no grupo oficial da editora (Universo dos Livros - Day by Day). Não tem previsão de lançamento ainda, mas já dá para comemorar, não é? Para quem está curioso em saber que história é essa, já aviso que não tem a vampirada favorita. A Ward gosta de descrever que TBK é uma 'Downtow Abbey' moderna. Okay. 



Confira mais novidades sobre TBK aqui.

Mais um trecho de 'Blood Kiss', o 1º livro da nova série da IAN: 'The Black Dagger Legacy'

Desde setembro não temos notícias de 'Blood Kiss', da série The Black Dagger Legacy (não da série Irmandade da Adaga Negra, não confundam), mas a nossa diva postou um trechinho para nos deixar com água na boca. E não seria ninguém menos que Parry (Paradise) e Craeg aprontando algo. Lembrando sempre que pode conter SPOILERS. Veja:






Tradução:
— Me faz um favor - disse Craeg - Está vendo aquela rocha ali?
Paradise olhou para a direita: — Aquela? Com o tamanho de um refrigerador?
— Sim. Pode a pegar e largar na minha cabeça? Seria maravilhoso. Obrigado.
— 'Blood Kiss", pág. 102

Esses dois vão ser a versão John, Qhuinn e Blay no centro de treinamento, já estou vendo tudo. kkk

Primeiro trecho oficial de "The Beast"!

Primeiramente: CUIDADO COM O SPOILER! Apesar de não ter nada revelador, alguns podem pegar coisas que ainda não leram e revelar alguma continuação. O trecho a seguir é de 'The Beast', você pode ler tudo sobre o livro clicando aqui.


Agora vamos aos trabalhos e eu tenho muito porque a Sapucaí é pequena e o tempo ruge! Vamos ao primeiro trecho liberado pelo diva mor Warden <3: div="">

Capa britânica de 'The Beast"


Tradução:
Mary estava na ponta dos pés, inclinada sobre a parte superior do bureau¹, tentando por o brinco de pérola na orelha e errando o buraco. Com a sua cabeça inclinada para o lado, seu cabelo castanho escuro fluía por cima do ombro, e cara, como ele queria acariciá-lo. E se você quer saber, não era a única coisa que ele queria por as mãos. O corte limpo do seu maxilar capturava e mantinha a luz do castiçal de cristal na parede e sua blusa de seda creme drapeada sobre seus seios e suas calças que caiam por seus quadris. Sem maquilhagem nela. Sem perfume.
Mas isso seria como tocar na Mona Lisa ou acertar uma roseira com um Febreeze².
Havia cem mil maneiras para detalhar atributos físicos de sua companheira, e  nenhuma única frase, ou mesmo um livro inteiro, poderiam chegar perto de descrever sua presença.
Ela era o relógio no seu pulso, a carne assada quando ela está esfomeado, e o jarro de limonada quando ele está  sedento. Ela era a capela e o seu coro, a cordilheira para a sua vontade de viajar, a biblioteca para a sua curiosidade e todos os amanheceres e pores-do-sol que sempre foram e sempre serão. Com um olhar ou uma mera sílaba de uma palavra, ela tinha o poder de transformar a sua disposição, fazendo-o voar enquanto os seus pés se mantinham no chão. Com um único toque, ela podia acorrentar o seu dragão interior, ou fazer com que ele gozasse mesmo antes de ele ficar duro. Ela era todos os poderes no universo aglomerados numa criatura viva, e o respirar, o milagre que lhe tinha sido concedido apesar do fato de ele não ser merecedor desde há muito tempo.
Muito resumidamente, Mary era a sua vida.
Sim… Apesar de todo o tempo que passou, ele ainda a sentia. — "The Beast", pág. 8 do manuscrito
                                          
1- Bureau - penteadeira antiga.
2- Febreeze - produto de limpeza.

















Gostaram? Mais trecho de Mhage por favor Warden!

PRIMEIRO trecho de "Blood Kiss"!

E a nossa diva fez uma coisa linda nesse sábado. Ela liberou o primeiro trecho de Blood Kiss com direito a a parição de VUTCH! Meu coração deu três cambalhotas e um twist carpado! Sério, vocês não perdem por esperar ler essa cena. Se mais delongas...

Quando Butch estava no grande salão da mansão, ele franziu a testa e olhou para o seu telefone. Ele verificou a hora em seu relógio Audemars Piguet(¹) cerca de três minutos antes, e percebeu que o Samsung "que-porra-que-fosse" poderia dar-lhe uma resposta para ele viver melhor.
Negativo.
E sua sétima chamada para sua companheira Marissa ficou sem resposta. Assim como as outras seis. Ao longe, os sons da Última Refeição sendo consumida borbulhavam para fora da sala de jantar. Sem uma boa razão, ele pensou sobre a primeira noite que ele tinha escutado sons como esse. Tinha sido onde agora está a plateia.  Ele era um detetive da homicídios na época, fora de controle e à procura de uma fonte de total de sacrifício, modo que ele só poderia fazer com a vida.
E então veio a toca do coelho.
Beth tinha entrado primeiro, sua herança mista como metade humano, metade vampiro a sugando. Seu prato principal tinha sido algo completamente diferente... 
"— Se forem sangrar o humano, teriam a gentileza de fazê-lo no pátio dos fundos?"(²). Fritz pediu aos Irmãos.
— Você já encontrou ela?
Butch fechou os olhos ao som da voz masculina tão familiar. Ainda que não fosse mesmo parcialmente verdadeiro, às vezes ele sentia como se o resmungar amargo de Vishous estivesse em sua cabeça por toda a sua vida.
— Não — disse Butch. — Ela não está respondendo ... algo está errado.
-Blood Kiss, pg. 25-26, Manuscrito.
(1) - 









(2) - Trecho de Amante Sombrio (Cap. 32, página 296)

É muito amor, é muito #Vucth na vida de uma cellie. Não estou sabendo lidar. Parei. Parei não, mentira! Já li e reli, desculpem o fangirling... Mas eu precisava dessa dose de AP. Voltando a normalidade

[RESULTADO] PROMOÇÃO - Cretino Irresistível e IAN!


Você quer ganhar exemplares de Cretino Irresistível OU da Irmandade da Adaga Negra? Sim! Então vai no formulário (link abaixo), siga as regras, e pronto! Você já está participando e nós estamos aqui torcendo para você ganhar ;)

a Rafflecopter giveaway
COMPARTILHE A IMAGEM NO FACEBOOK (CLIQUE AQUI)

Essa é uma promoção conjunta com o site Beautiful Bastard BR, Sagas do Sul, Eu Insisto e o Black Dagger Lovers! Participe!

RESULTADO:

Queria agradecer ao Beautiful Bastard BR pela parceria, e a todos os envolvidos, além de todos os que participaram! Não fiquem tristes, vai ter mais promoção, sim senhor! Por enquanto, quem leva é....

ALESSANDRA CARVALHO ARAÚJO

Parabéns!!!! Você tem até 48h para entrar em contato no email: bbastardbr@gmail.com.

Caso isso não aconteça, será feito um novo sorteio, por isso não perca essa chance. Corre mulher!

The Beast começa a ser escrito!


Lovers! Iniciando os trabalhos em 2015, JR anunciou que, hoje ela começou a escrever as primeiras linhas de THE BEAST! Confira na page da autora no Facebook:

Dez anos atrás, eu comecei AMANTE ETERNO - e hoje, eu estou começando THE BEAST! Podemos dar um pouco de amor para Rhage de volta na área?
Junto a essa declaração, ela postou duas fotos. Vejam abaixo:



Mas então... O que vocês querem ler em 'The Beast'?

- Copyright © 2014 Black Dagger Lovers | Irmandade da Adaga Negra - Yui-Lovers V2 - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -